Howard Kirk

puerto-girlCom um tipo de pintura que chega muito próximo a realidade, as ondas do artista Howard Kirk nos levam a uma viagem para além do surf.  O brow escreveu um artigo exclusivo para o cabecaFeita contando sua história. Bom surfe!

“O oceano foi uma fonte de energia da vida para mim desde que eu era garoto. Quando eu era pequeno meu pai pegava meu irmão e eu para pescar com ele. Me recordo o som dos motores dos barcos que se misturavam com nossas conversas.

Howard Kirk

[img src=http://www.cabecafeita.com/wp-content/flagallery/howard-kirk/thumbs/thumbs_baja-sunrise.jpg]1060baja Sunrise
[img src=http://www.cabecafeita.com/wp-content/flagallery/howard-kirk/thumbs/thumbs_blue-bomb.jpg]650Blue Bomb
[img src=http://www.cabecafeita.com/wp-content/flagallery/howard-kirk/thumbs/thumbs_cortes-bank.jpg]430Cortes Bank
[img src=http://www.cabecafeita.com/wp-content/flagallery/howard-kirk/thumbs/thumbs_duke.jpg]530Duke
[img src=http://www.cabecafeita.com/wp-content/flagallery/howard-kirk/thumbs/thumbs_emerald-wave.jpg]370Esmerald Wave
[img src=http://www.cabecafeita.com/wp-content/flagallery/howard-kirk/thumbs/thumbs_jaws.jpg]401Jaws
[img src=http://www.cabecafeita.com/wp-content/flagallery/howard-kirk/thumbs/thumbs_kelly-slater-at-cloudbreak.jpg]420Kelly Slater
[img src=http://www.cabecafeita.com/wp-content/flagallery/howard-kirk/thumbs/thumbs_pt-soul-arch.jpg]370Soul Arch
[img src=http://www.cabecafeita.com/wp-content/flagallery/howard-kirk/thumbs/thumbs_puerto-girl.jpg]420Puerto Girl
[img src=http://www.cabecafeita.com/wp-content/flagallery/howard-kirk/thumbs/thumbs_sunset.jpg]330Sunset
[img src=http://www.cabecafeita.com/wp-content/flagallery/howard-kirk/thumbs/thumbs_tahiti-blue.jpg]270Tahiti Blue
[img src=http://www.cabecafeita.com/wp-content/flagallery/howard-kirk/thumbs/thumbs_tavarua-cloudbreak.jpg]230Tavarua Cloudbreak
[img src=http://www.cabecafeita.com/wp-content/flagallery/howard-kirk/thumbs/thumbs_turquoise-left.jpg]220Turquoise
[img src=http://www.cabecafeita.com/wp-content/flagallery/howard-kirk/thumbs/thumbs_waimea-shorebreak.jpg]210Waimea Shore Break

Quando eu tinha 13, meu irmão e eu juntamos uma grana cortando grama e vendendo frascos de soda vazios para um depósito. Quando finalmente juntamos 90 dólares nós conseguimos comprar nossa primeira prancha e levá-la pra casa. Jogamos uma moeda para o alto para decidir no quarto de quem a prancha iria passa a primeira noite.

Muitas das maravilhosas lembranças que tenho dessa época, foram procurando ondas na costa da Califórnia. Acampávamos na praia, acordava com o barulho das ondas, passava parafina na prancha e caía na água pra surfar até o anoitecer.

Meu coração sempre desejou compartilhar esses bons momentos de minha vida, então comecei a pintar ondas que vieram inspiradas pela boa energia que o oceano me trazia. Como seu eu pudesse retratar, mesmo de relance, a alegria que nós surfistas temos quando encontramos as ondas.

Aproveito para deixar uma dica, eu aprecio as boas energias de uma bebida, uma espécie de chá de ervas, vindo das florestas. O chá chama-se Guayaki, e a venda desses chás ajudam a restaurar as árvores da floresta. Sou embaixador desse projeto e gostaria de compartilhar com vocês. Estou amarradão com tudo isso”.
Howard

[button link=”http://www.surfartist.net/”]Howard Kirk Site[/button]

cabecaFeita.com | Surf Art

F. Bari

Editor do site cabecaFeita.com

Deixe uma resposta