Phil Goodrich

Inspiração na Indonésia

A arte de Phil Goodrich é influenciada principalemnte por Gustav Klimt e Pablo Picasso, além de sua admiração por Rembrat e John Silver Sargent. Nos últimos 10 anos, Phil tem buscado inspiração surfando as ondas da Indonésia – “Minha intenção é viajar cada vez mais e buscar em diferentes terras as ondas perfeitas para o surf, além de paisagens alucinantes para que eu possa imortalizar em minhas pinturas. Estando nesses lugares com ondas perfeitas é como se minha mão fosse guiada pelas memórias, luindo em todo minh apintura.” revela Phil.

description description description description description description description description description description description description description description description description description description description description

O início nas artes

Começou a desenhar desde muito cedo na escola, retratando temas que envolve a sociedade. Um bom exemplo disso é que nos tempos de escola, após a tentativa de formar um clube de surf e rejeitado pela diretoria, Phil não pensou duas vezes e desenhou diversas caricaturas envolvendo as pessoas que vetaram o seu projeto.

Em meados de 1985, sua carreira artística começou a tomar forma após um longo empenho em retratar seus próprios olhos no espelho, foi aí que Phil tomou gosto pela coisa e nao parou mais. Além da arte, Phil Goodrich  é formado em artes gráficas e design,  graduado na California’s Point Loma University, em San Diego. O artista, por verdadeira aversão a telas de computadores passou a usar aquarelas em seus trabalhos de design, dando forma ao seu estilo.

Depois de várias experimentações, o artista encontrou sua verdadeira paixão ao retratar as ondas em pedaços de madeira, que por sinal, sua expressão é ainda maior nesta superfície, pois sua arte flui junto com a textura da madeira.

Seu processo criativo é interessante, juntando diversas fotos e uma folha em branco, Phil contempla o motivo a ser retratado, criando uma fusão das imagens em sua cabeça para depois esboçar com carvão, finalizando a idéia do tema com giz pastel e aquarelas. Em relação a madeira, o artista deixa alguns pedaços espalhados em seu estúdio, sempre observando as formas e gomos da madeira, até que sua mente veja alguma forma ou desenho.

Temas variados e criatividade

Seuas temas são variados, sempre com o surf presente em suas obras. Amante do estilo de música blues, o artista retrata músicos e instrumentos nas pinturas, criando uma unidade com o surf. Para compor o personagem retratado, Phil ouve música e tenta absorver a atmosfera de artistas e músicos independentes, resultando em interessantes resultados.

Levando uma vida pacata na Carolina do Sul, Phil Goodrich tem surf no pé, porém não se sente à vontade quando o assunto é competição, O artista revela que sua habilidade não é para ser julgada – “Eu tenho habilidade para competir, mas quano coloco a lycra de competição, eu travo. O mesmo acontece em relaçao aos negócios, quando tenho que vender ou negociar uma arte minha, fico meio sem jeito, mas eu gosto das coisas como elas são! Quando tiver que acontecer, acontece!”

Para saber mais sobre  Phil Goodrich, acesse: http://www.philgoodrich.com/

F. Bari

Editor do site cabecaFeita.com

Deixe uma resposta